PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Sefaz apresenta Projeto Aleteia em encontro da CGE sobre controle interno

20 de agosto de 2021 - 11:35 # # # # # #

Raquel Mourão - Texto
Ascom CGE - Foto

A Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz-CE) participou, nessa quinta-feira (19/8), da 14ª edição do Encontro de Integração do Sistema de Controle Interno, promovido pela Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE). O evento teve como tema o Projeto Aleteia, iniciativa da Sefaz para o desenvolvimento de um novo sistema de gestão financeira, fiscal e contábil no Estado. 

O orientador da Célula de Normas Contábeis da Secretaria, Tony Magalhães, fez uma apresentação detalhada do Aleteia que, segundo ele, trará um impacto importante na administração financeira e contábil dos órgãos estaduais. “Mostramos o histórico, o cronograma, os benefícios e os desafios do projeto. Haverá mudanças de sistema e de processos financeiros de execução da despesa. Esperamos que vários desses processos sejam otimizados, trazendo informação gerencial com mais rapidez e qualidade.”

Também presente no encontro, o secretário do Tesouro Estadual e de Metas Fiscais da Sefaz, Fabrízio Gomes, disse que o projeto proporcionará ganho de qualidade e eficiência para a gestão fiscal do Ceará. “O sistema permitirá um aperfeiçoamento maior da gestão baseada em dados. Isso possibilitará, cada vez mais, transparência e decisões efetivas para os gestores cearenses.”

O coordenador de Controladoria da CGE, Marcelo Monteiro, ressaltou a importância do tema. “Diante do impacto da implantação do novo sistema de execução contábil e financeira para os órgãos e entidades do Poder Executivo, é fundamental o compartilhamento de informações com todos os participantes do processo de gestão. A apresentação contribuiu para o alcance desse objetivo e auxiliou na compreensão dessas mudanças.”

O evento contou com cerca de 90 participantes, entre assessores do Controle Interno e Ouvidoria do Estado, servidores que atuam nas áreas de contabilidade e financeira dos órgãos e entidades, além de auditores de controle interno e técnicos de empresas estatais.